quarta-feira, 27 de maio de 2009

EMPRESA BAIANA DE TECNOLOGIA FIRMA ACORDO COM IBM



Foi firmado hoje um contrato de parceria entre a IBM er a empresa baiana Softwell para a comercialização mundial de um produto inovador de desenvolvimento rápido de softwares. A parceria foi firmada num evento realizado em Salvador que contou com a presença de jornalistas, representantes de diversas instituições e das empresas parceiras.


Segundo o diretor presidente da Softwell, Wellington Freire, o novo produto vai unir num único pacote a plataforma Maker, desenvolvida na Bahia, com a plataforma Rational, criada pela multinacional. Para se ter uma idéia do tamanho do negócio, a Softwell faturou com o Maker seis milhões em 2008, mas a espectativa é que até 2012 o faturamento da empresa chegue a 90 milhões de dólares, principalmente por conta da nova parceria.


Segundo o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação, Ildes Ferreira, esta parceria comprova o potencial do setor de Tecnologia da Inoformação (TI) da Bahia. “O Governo tem fomentado o desenvolvimento deste setor por acreditar que as soluções de diversos segmentos da economia estão na tecnologia, principalmente no desenvolvimento de softwares inovadores”, disse o secretário, que representou o governador Jaques Wagner na solenidade.


A construção do parque TecnoBahia, o apoio à criação de pólos de TI no interior, a implantação de uma rede de alta velocidade (Remessa) interligando diversas instituições de conhecimento, o fomento à inovação através de diversos instrumentos estaduais e uma ampla capacitação de jovens em TI também foram destacados por Ferreira.


A nova plataforma de desenvolvimento de software promete revolucionar o mercado mundial. Baseada no Maker, a plataforma vai permitir que softwares sejam produzidos até por quem não tem conhecimento de linguagens de programação. “Os softwares modernizaram o mundo, mas o desenvolvimento de softwares ainda precisava ser simplificado e modernizado, por isso criamos o Maker”, disse Freire. O representante da IBM, Roberto Argento, explicou que a multinacional possui 43 centros de desenvolvimento de softwares no mundo inteiro e o foco de atuação da empresa está em prover soluções inovadoras e inteligentes para seus clientes.


Assessoria de Comunicação

Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação - Governo da Bahia

2 comentários:

  1. Gostaria de conhecer alguma aplicação desenvolvida em Maker?

    Não encontrei no site da Softwell um trial ou demo.

    Obrigada ...

    ResponderExcluir
  2. A IBM pirou de vez...

    ResponderExcluir