domingo, 26 de junho de 2016

DOMINGO É DIA DE FUTEBOL VI

Eis uma das escalações da invencível categoria de Aspirantes do Fluminense dos velhos tempos, dos belos dias.
E neste tempo sob o comando das três feras que aparecem da esquerda para a direita em pé:
Carlos Melo (Lateral) o técnico, que trabalha na Coelba da Rua Direita
Vermelho, grande mecânico e grande lateral do mesmo aspirante, mas sempre jogando no time principal
Alberto Oliveira, o desportista doutor Beto de doutor Áureo Filho, um o presidente que tinha a cara do Fluminense.


DOMINGO É DIA DE FUTEBOL - V

Nos velhos bons tempos o Fluminense perdeu de 2 a 0 para o Esporte Clube Bahia no primeiro turno do campeonato baiano de 1962, mas foi a forra logo na estreia do returno, na tarde de domingo, 30 de dezembro, em plena Fonte Nova, vencendo de 2 a 1, gols assinalados por Carlinhos e Almeida. O tricolor feirense utilizou os seguintes jogadores:
- Aloisio, Misael, Francisquinho, Dega e Ninoso; Jorge de Pinho e Vavá Gilete; Lió (foto), Almeida, Targino e Carlinhos 

DOMINGO É DIA DE FUTEBOL IV

Em 1971, antes de embarcar para Goiás, onde participaria do Torneio da Integração, a delegação do Fluminense já de malas e bagagens visitou o prefeito Newton Falcão (no tempo do amadorismo ele foi goleiro do clube ), tirando inclusive uma foto oficial no salão nobre do Paço Municipal.
Newton chamou num canto Beto Oliveira que era o presidente do clube e Antonio Mário, gerente do Baneb, que presidia a delegação e disse apontando os alvos:
- E aqueles? Onde vocês foram arranjar? Beto respondeu rápido:
- Aquele é Tanajura, o outro é Ventilador, dois grandes craques do Vitória, que Pirinho nos emprestou para a excursão.
Newton foi ainda mais rápido na contra resposta:

- Grandes craques? Ora, Beto; eu sou como o técnico Sotero Monteiro: jogador de futebol conheço só no arriá das malas...

DOMINGO É DIA DE FUTEBOL III

Por razões especiais naquele domingo, 8 de outubro de 1961, logo cedo eu estava no Estádio Almáchio Boaventura, para assistir o amistoso interestadual Fluminense de Feira versus Canto do Rio. 
Afinal, o time carioca da bonita camisa alviceleste emprestava o nome ao meu "time de botões" que no salão da "Pensão de Dona Elvira", na Rua São José, disputava o campeonato de botões com a participação de Coelho (Discolândia), Natal (filho de Joaquim barbeiro), Ula (o falecido Julio Porto), Elias (Bengo's Bar) e outros companheiros de infância.
Mas voltando ao amistoso, o tricolor feirense venceu o clube carioca pelo placar de 2 a 1, gols assinalados por Lio (na foto com Lai) e Zé Melo e com esta escalação:

-Mundinho, Zeca, Colário, Val  e Juracy; Paraiba e Osmar (depois Nilsinho); Enaldo (depois Fábio da Coca-Cola), Lai (depois Targino de Dona Pomba), Lio do Tênis e Carlinhos do Banco da Bahia (depois Zé de Melo)

DOMINGO É DIA DE FUTEBOL II

Campeão baiano de 1963, o Fluminense tem no Ceará seu adversário pela Taça Brasil de 1964.
O diretor Arivaldo (Tuta) Santana, compra um aparelho de televisão e na sexta-feira, inicio da concentração, cancela a sessão de cinema no Cine Santanópolis, em troca do “video-tape” do último Fla x Flu.
O lateral Misael (o pimeiro a esquerda em pé) mira Carlinhos Malaquias  (o sexto na mesma ordem) e pergunta desconfiado:

- Vai dar mesmo os dois times dentro daquela caixa?...

DOMINGO É DIA DE FUTEBOL I

Ao ser informado que  Lomanto Jr, ex-governador e candidato a deputado federal  estava na cidade arregimentando apoios, na sexta-feira, 25 de setembro de 1970, quando todos ainda comemoravam a conquista do Mundial de Futebol no México, o deputado Wilson da Costa Falcão promoveu encontro com os militantes arenistas para montar novas ações principalmente nos bairros, visando sua reeleição.
Durante a reunião um cabo eleitoral pediu a palavra para informar que estava sendo procurado por muitos eleitores, todos pedindo jogos de camisas, calções, chuteiras, meões e bolas. Desportista, tendo inclusive sido o primeiro presidente  do Fluminense profissional, em 1954, Wilson interrompeu o cabo eleitoral e disse coçando a cabeça:


- Esse é o custo em ser candidato em um pais Tri Campeão Mundial de Futebol...

sábado, 25 de junho de 2016

LEMBRANDO AQUELE FLUMINENSE, 1960

Despedida

Escalado com Mundinho, Paraíba e Misael; Chinês, Val (depois Juracy) e Amorim;  Benicio (Vavazinho),  Rangan  (Lio), Lai (Almeida), Nilsinho (Roliço) e Carlinhos (Fábio), o Fluminense aplicou 3x0 no Colo-Colo de Ilhéus. O jogo foi no domingo, 19 de junho de 1960, e marcou a despedida de Nilsinho, vendido ao Santa Cruz do Recife.

- Substituído no 2º tempo, por Roliço, Nilsinho se despediu da torcida dando uma volta olímpica no antigo estádio Almachio Boaventura.


NESTE ANO ELEITORAL, LEMBRANÇAS ANTIGAS

Desistiu
Eleições proporcionais de 1986
Revista Panorama

O ALCAIDE NO ILDES

Visitei na tarde deste sábado várias ruas ao lado do Conjunto Ildes Ferreira anunciando obras.

Face José Ronaldo           

PROJETO X REAL TRAZ MULHERES NUAS EM BUSCA DE EMPODERAMENTO FEMININO

25.jun.2016 - Criado pela fotógrafa Camila Cornelsen, o projeto "X Real", de acordo com o site, é uma "busca pelo conforto da nudez feminina através do olhar feminino". Com fotos de mulheres nuas que desejaram participar dos ensaios, o X Real tem o objetivo de empoderar as mulheres e quebrar o senso comum de beleza. Nas fotos, elas aparecem em diferentes cenários e sem retoques. Veja mais nas fotos a seguir Reprodução/XReal. AQUI

JUNHO NO TEMPO, 1999

O desabafo do prefeito Clailton

 “Os promotores estão me fazendo uma perseguição implacável. Estou me sentido algemado, pois os promotores abrem inquéritos até diante de um espirro de alguém do meu governo”.
(Tribuna Feirense edição de 4 de junho de 1999)

JANOT TEM DE EXPLICAR JÁ PORQUE MP RECUSA DELAÇÃO DE EMPRESÁRIO QUE ENVOLVE TEMER

Por Fernando Brito
O Procurador Geral da república, Rodrigo Janot, está desafiado a explicar porque seu representantes na negociação da delação premiada do empreiteiro José Antunes Sobrinho, um dos donos da construtora Engevix, atualmente preso em Curitibaestão se recusando a firmar um acordo.
Ou, do contrário, processar a revista Época, do grupo Globo.

ENCONTRADA CRÔNICA INÉDITA E ANÔNIMA DE MACHADO SOBRE A MORTE DA MÃE

Jornal GGN - A edição da Folha deste sábado (25) traz uma reportagem sobre a descoberta de uma crônica inédita de Machado de Assis, na qual o escritor chora a perda da mãe, que se deu quando ele tinha apenas nove anos. Segundo o jornal, o autor da descoberta é o pesquisador independente Felipe Rissato. A Revista Brasileira, editada pela Academia Brasileira de Letras, publicará o texto na íntegra.
A Folha antecipou o texto e a continuidade nas imagens abaixo:



DCM: “ROMÁRIO PERDEU A MÁSCARA DE POLÍTICO SÉRIO”

Jornalista Paulo Nogueira publica uma Carta aberta ao senador Romário (PSB-RJ) em que desnuda a chantagem do ex-jogador para conseguir um cargo no governo Michel Temer: “O senhor deu um drible na democracia e na integridade ao sugerir que poderia dizer não, em vez de sim, na sessão decisiva sobre o impeachment de Dilma”; para Nogueira, Romário simboliza uma política putrefata e será lembrado pela posteridade como um político desprezível.

FEIRA ONTEM, 1960

Eleições

Apurados os votos das eleições presidenciais de 1960 em Feira de Santana, o Marechal Lott foi o grande vencedor com 7.235 votos, suplantando a soma dos dois principais concorrentes, já que Jânio Quadro obteve 5.087 e Ademar de Barros chegou a 1.029.
Companheiro de chapa de Lott, o candidato a vice-presidente João Goulart, o Jango, também foi o vencedor nas urnas de Feira, somando 6.745 votos, contra 4.548 de Milton Campos que fazia dobradinha com Jânio e 1.824 do dissidente Fernando Ferrari,

Fonte - Jornal Gazeta do Povo 

SÃO JOÃO – TIQUARUÇU E A TRADIÇÃO DO FORRÓ DE PÉ DE SERRA

O autêntico forró pé de serra, gerador de clima de festejos em família, está marcando as comemorações do São João no distrito de Tiquaruçu. Pelo palco, as atrações regionais esquentam as noites frias de inverno e alimentam a tradição da festa popular nordestina que ganha força na fartura da culinária regional, bebidas típicas da época, as fogueiras e muita animação.

FIORELLA MATTHEIS CURTE FÉRIAS EM ST. BARTHS COM ALEXANDRE PATO

Neste sábado, 25, a atriz curtiu paisagem paradisíaca e exibiu o seu corpo magrinho de biquíni

Fiorella Mattheis postou mais um clique de suas férias em St. Barths neste sábado, 25, e exibiu o seu corpo escultural. Em clique tirado por Alexandre Pato, Mattheis abaixou a lateral do biquíni e exibiu tatuagem em local estratégico. Hot!


ROMANTISMO DE BRUNO E MARRONE CONTAGIA EM SÃO JOSÉ

Milhares de pessoas acompanharam o show

O romantismo da música nas inconfundíveis vozes da dupla sertaneja Bruno & Marrone marcou o clima da segunda noite das comemorações do São João de São José, na sede do distrito de Maria Quitéria, em Feira de Santana, nesta sexta-feira, 24. Foi a deixa para milhares de casais aproveitarem para esquentar a noite com muito arrasta-pé bem agarradinhos, num dos maiores públicos já presentes neste arraiá.
Além de músicas de sucesso da dupla, Bruno & Marrone também interpretaram diversos sucessos da MPB nas vozes de Alcione, Caetano Veloso, Cazuza e muitos outros. Agitou com a música de Leoni “Só pro meu prazer”; “Primeiros erros”, de Capital Inicial; “Pode ir embora” e muitas outras que marcaram a trajetória de sucesso de uma das principais duplas sertanejas da atualidade no país.

RICARDO PEREIRA FALA DA AGUARDADA CENA DE SEXO QUE FARÁ COM CAIO BLAT NA FICÇÃO

"Será uma transgressão, vamos fazê-la da melhor forma possível, para defender os personagens", afirma

Beijo gay em novela já é coisa do passado. O que Ricardo Pereira e Caio Blat vão protagonizar, em Liberdade, liberdade, às 23h, é a primeira cena de sexo entre dois homens da história da TV brasileira. Foi batido o martelo e o amor "proibido" de Tolentino por André, seus personagens na trama de Mário Teixeira, vai ser consumado nos próximos capítulos.
 "No século XIX, se eles fossem vistos se beijando poderiam ser levados à forca ou à fogueira. Esta será mesmo uma transgressão. E eu e o Caio faremos a cena da melhor maneira possível, para defender os personagens. Vamos fazer como o autor escreveu", conta Ricardo, que é muito amigo de seu companheiro de cena.
"Nossa química é boa na novela. A gente se ouve muito. Caio é um ator maravilhoso. Fazer a cena com ele torna tudo mais fácil, claro. Mas sou um ator e um artista, não poderia ser diferente. É um grande privilégio para mim", confessa.

Ricardo com a mulher, Francisca: "Ela é minha mãezona, parceira de vida, minha namorada" (Foto: Leo Marinho / Ed. Globo)

TÚNEL DO TEMPO, 1960

Em 1960, Fazendo campanha do Marechal Henrique Lott, candidato a presidente, quem esteve em Feira de Santana em 1960 foi o líder nacional Luiz Carlos Prestes (foto1), do PCB. Nesta cidade o cavaleiro da esperança foi recebido por uma grande comitiva tendo à frente o comunista Humberto Cerqueira Mascarenhas (foto 2).
Bastante cumprimentado pelas ruas da cidade por admiradores, Carlos Pestes  foi  saudado por Paulo Almeida Cordeiro (foto 3).  Ainda dentro da vasta programação, o político ilustre  visitou  o palacete do vereador pessedista Oscar Marques (4) e em seguida almoçou  na residência de Chico Morais, o Morais do Peixe, pai de Mauro Morais

A cobertura da visita está no Jornal Gazeta do Povo 

VELHO CHICO – SANTO BEIJA TEREZA E INTERROMPE REVELAÇÃO BOMBÁSTICA

Empresária tenta contar ao sertanejo que ele é o pai de Miguel, mas o produtor rural não a deixa falar

Tereza (Camila Pitanga) está pronta para contar a Santo (Domingos Montagner) que ele é o pai de Miguel (Gabriel Leone), mas o sertanejo não deixa a empresária falar.  "Agora não é hora, Tereza", interrompe ele querendo aproveitar o momento que tem ao lado da amada.

Mesmo que ela ressalte a importância do assunto, o produtor rural evita entrar no diálogo. "Vâmo esperá um dia melhor, que eu esteja menos cansado, menos confuso", pede o marido de Luzia (Lucy Alves), já beijando a amante ardentemente. Não perca a cena que está prevista para ir ao ar neste sábado, 25/6.

VELHO CHICO – TEREZA VAI ATRÁS DE SANTO PARA CONTAR QUE ELE É PAI DE MIGUEL

Empresária teme que seu filho se envolva ainda mais com sua meia-irmã Olívia e resolve abrir o jogo com o ex-namorado

Sem conseguir se aguentar de tanta aflição, Tereza (Camila Pitanga) resolve procurar Santo (Domingos Montagner) para revelar que Miguel (Gabriel Leone) é seu filho e que, em função disso, o sertanejo não pode permitir que ele se envolva com sua meia-irmã, Olívia (Giullia Buscacio).

Ao encontrar com o produtor rural, ela toma coragem e declara: "Eu não vim discutir com você, Santo... Nem brigar... Eu preciso... Falar com você". Será que dessa vez vai? Não perca a cena que está prevista para ir ao ar neste sábado, 25/6.

O ALCAIDE E O CAMPO DE FUTEBOL

No Alto do Papagaio
Neste momento no Alto do Papagaio, visitando o campo de futebol que será inaugurado neste domingo. Aproveitei e mantive reunião com moradores discutindo sobre melhorias nas ruas próximas.
Face José Ronaldo

CIRO, AO DCM: “O BRASIL ESTÁ À MRGEM DA LEI”. VEJA TRECHOS

Por Fernando Brito

Imperdível a entrevista de Ciro Gomes ao programa do Diário do Centro do Mundo na TVT, do qual trechos são antecipados no site.

Ciro é, sem outros tipos de comparação, o mais semelhante que se tem hoje no Brasil em termos de sinceridade e inconvencionalidade política.

No país da hipocrisia, diz as coisas cruamente e isso faz muita falta, ainda que, na maior parte das vezes, seja um “prejuízo” eleitoral.

Não se pode, na política, ser tudo o que se é. Mas nunca se pode, também, não dizer o que se pensa, ainda quando não se possa ou deva fazer, naquele momento.

Leia o resumo da entrevista,feita por Kiko Nogueira e Max Alvim, com apresentação de Marcelo Godoy.

CUNHA VAI LIGAR O VENTILADOR ?

Por Fernando Brito
Blog TIJOLAÇO


Eduardo Cunha, a considerar o que diz matéria publicada agora há pouco pelo O Globo, pode ter dado o primeiro passo para “peemedebizar” suas aventuras financeiras.

A pretexto de provar que não houve o telefonema entre  Edison Lobão e ele, Cunha, quando o empresário Júlio Camargo teria ido discutir assuntos de propina com o ex-ministro de Minas e Energia, pediu a quebra dos sigilos telefônicos de Lobão e o seu próprio.

Não se sabe se, até agora, rastrearam todas as ligações telefônicas de Cunha.

Mas o sigilo de Lobão está quebrado desde janeiro, embora mantido em sigilo.

Cunha quer forçar sua divulgação?

Pode ser uma simples medida protelatória.

Pode esbarrar na negação  a priori que o STF faz em relação a qualquer pedido de Cunha – inclusive esta de impedir seu ingresso na Câmara, que equivale a uma quase decretação de prisão do presidente afastado da Câmara.

Mas é o primeiro gesto concreto de Cunha para espalhar no ventilador peemedebista as encrencas em que está metido.

Porque se ficar estabelecido que Cunha achacava e obtinha dinheiro para comprar apoio, alguém o vendia.


O abraço de afogado, todos sabem, costuma levar outros para o fundo do mar.

SÃO JOÃO DE SÃO JOSÉ TEM LUAN ESTILIZADO NA ÚLTIMA NOITE

 A terceira e última noite do São João de São José será marcada pelo forró autêntico. A principal atração será Luan e Forró Estilizado, que ganhou notoriedade nacional ao participar da primeira edição do programa televisivo Super Star, da Rede Globo. A sanfona continua em evidência com as demais atrações da noite: Timbaúba, Kixote É Esse e Caracu com Ovo.

HAJA CORAÇÃO – BETO E TANCINHA SE BEIJAM PELA PRIMEIRA VEZ

Publicitário abre o coração e rouba um beijo apaixonado da feirante

Beto (João Baldasserini) estava cheio de boas intenções quando convidou Tancinha (Mariana Ximenes) para jantar em um restaurante refinado. Ele só não podia esperar que ela teria uma crise alérgica ao comer escargot e acabaria no hospital.
Passado o susto, a feirante recebe alta, e ele, claro, faz questão de acompanhá-la até a vila onde mora. Antes de sair do carro, no entanto, ela se desculpa pela confusão e agradece. “Cê é bom dos coração. Brigada por me sarvar a vida de novo, viu? Cê me virou os anjo das guarda”, diz.
Sem conseguir esconder mais o que sente, o publicitário abre o coração. “Tancinha, não aguento mais... Sonho todos os dias com isso. Tudo que mais quero é um beijo seu!”, dispara ele, que a puxa para si e rouba um beijo apaixonado.

Como será que Tancinha vai reagir? Não perca Haja Coração! A cena está prevista para ir ao ar neste sábado, 25/6.

HAJA CORAÇÃO – ADÔNIS HUMILHA SHIRLEI EM BOATE, A PEDIDO DE CARMELA

Mesmo com a consciência pesada, ele coloca o plano da megera em prática

Carmela (Chandelly Braz) tanto fez que conseguiu convencer Adônis (José Loreto) a humilhar Shirlei
(Sabrina Petraglia). Sabendo que a morena é apaixonada por ele, o rapaz topa acompanhá-la até um show para colocar o plano da megera em prática.
Já na boate, o irmão de Apolo (Malvino Salvador) sente um peso na consciência, mas, mesmo assim, segue adiante para ganhar pontos com Carmela. “Não sei se já aconteceu com você... Aquela pessoa que cê vê sempre, conhece há muito tempo, mas nunca reparou. Aí de repente, descobre que... Que vergonha!”, diz o rapaz, deixando a entender que sente algo pela caçula dos Rigoni Di Marino.
Crente que ele está prestes a se declarar, a moça se derrete todinha. Mas basta ela ir ao banheiro retocar a maquiagem, para ele se agarrar com uma loira. Ao voltar e ver tudo aquilo, o mundo de Shirlei desaba. “Era dela que eu tava falando. Que gata, né?!”, dispara o safado.

O que será que a pobrezinha vai fazer depois de tamanha decepção? Não perca Haja Coração! A cena está prevista para ir ao ar neste sábado, 25/6.