quarta-feira, 11 de julho de 2018

DEPOIS DA OMISSÃO QUE LEVOU AO HC, JUÍZA “CORRE” A NEGAR CONTATO ENTRE LULA E IMPRENSA


Por Fernando Brito

Objeto do habeas corpus concedido pelo desembargador de plantão no TRF-4, os pedidos de entrevista feitos pela Folha, pelo UOL, pelo SBT e Diário do Centro do Mundo – o primeiro deles há dois meses – sobre os quais a juíza da execução provisória da pena de Lula, Carolina Lebbos, apressou-se em “remendar” sua longa omissão, despachando (aqui, na íntegra) hoje os diveros pedidos de uma só vez, horas depois de publicado por Marcelo Auler que os requerimentos tiritavam de frio em suas gavetas.

E, claro, negando qualquer contato, exceto por carta, entre Lula e a imprensa.

A juíza chega a dizer que “não é absoluto o  seu [de Lula] direito à liberdade de manifestação, seja quanto aos meios de expressão, seja quanto ao seu conteúdo”. MAIS



Nenhum comentário:

Postar um comentário